Bancários do BRB aprovam proposta e parcela da PLR será paga nesta quinta

Bancários do BRB aprovam proposta e parcela da PLR será paga nesta quinta Destaque

Bancários do BRB aprovam proposta e parcela da PLR será paga nesta quinta



Quando balanço for publicado, valor restante será pago

Os bancários do BRB se reuniram em assembleia na sede do Sindicato nesta quarta-feira (17) e aprovaram por unanimidade a proposta de pagamento de parcela da PLR até que o balanço relativo ao segundo semestre de 2018 seja publicado.

Com a suspensão do balanço - por causa da deflagração da operação 'Circus Maximus' - o banco anunciou que não pagaria a PLR até a conclusão da auditoria forense sobre as demonstrações contábeis do BRB.

O Sindicato reivindicou o pagamento imediato da PLR, mas o banco disse não poder pagar até a conclusão dos trabalhos.

Diante da situação criada por pouquíssimas pessoas do alto escalão do banco (Circus Maximus), tendo por consequência o anúncio de que o balanço não seria publicado e a PLR não seria paga, o Sindicato buscou interlocução com a instituição para possibilitar um tipo de adiantamento de parte da PLR, a fim de minimizar o impacto financeiro para os funcionários e ainda garantir em acordo formal que todo o montante restante da PLR seja distribuído. No acordo conquistado pelo Sindicato ficou garantido que será distribuído todo o montante destinado à PLR quando o balanço for publicado.

Depois de várias rodadas de negociação, o Sindicato conseguiu garantir o seguinte:

O PAGAMENTO DA PARCELA DA PLR SEGUIRÁ OS SEGUINTES PERCENTUAIS REFERENTES AO RESULTADO DO 3O TRIMESTRE DE 2018 (R$ 53,2MILHÕES):

  • Do resultado do terceiro trimestre serão distribuídos 80%
  • Parte fixa - 60% do lucro apurado no terceiro trimestre será distribuído linearmente
  • Parte variável – 20% do lucro apurado no terceiro trimestre será distribuído conforme o atingimento das metas e proporcional ao VP ou VR, conforme o caso de cada funcionário.

O valor integral da PLR fica assegurado. Quando houver a publicação do balanço, será pago o restante. E o banco ainda terá que pagar aos funcionários 20% restantes do valor destinado à PLR referente ao terceiro trimestre mais 100% do montante destinado à PLR referente ao quarto trimestre.


Da Redação