Em reunião com Itaú, integrantes da COE cobram explicações sobre demissões

Em reunião com Itaú, integrantes da COE cobram explicações sobre demissões Destaque

Em reunião com Itaú, integrantes da COE cobram explicações sobre demissões

A Comissão de Organização dos Empregados (COE) do Itaú se reuniu com os representantes de Relações Sindicais do banco nos dias 19 e 20 deste mês, na sede da Contraf-CUT, em São Paulo. Emprego foi a principal pauta abordada. O Sindicato e a Fetec/CUT-CN foram representados pelo diretor Robertinho Alves.

As nove federações presentes na reunião relataram a questão da alta rotatividade que está acontecendo no banco. Eles destacaram que houve muitas demissões, principalmente na área operacional, atingindo os funcionários mais antigos, sendo que alguns deles estavam próximos da pré-estabilidade de aposentadoria.

Para ouvir os esclarecimentos do Itaú foi agendada uma nova reunião para o mês de abril. Robertinho lembra que este ano as negociações serão permanentes para obtenção de melhores acordos para o funcionalismo da instituição financeira.

Reivindicações

A COE Itaú também ficou encarregada de manter uma pauta de reivindicações, discussões e negociações, visto que em 2019 não haverá conferência dos funcionários para bancos privados.

“Outra decisão é que cada sindicato deverá fazer em sua base uma pesquisa sobre o programa SQV (Score de Qualidade de Vendas) do banco, pois não há esclarecimento da eficácia deste programa e muito menos como ele é utilizado nas avaliações pelos gestores”, esclarece Robertinho.

Da Redação