BRB apresenta novo portal de metas; pressão preocupa bancários

BRB apresenta novo portal de metas; pressão preocupa bancários Destaque

BRB apresenta novo portal de metas; pressão preocupa bancários

O presidente do BRB, Paulo Henrique, se reuniu na Gedep com os gerentes das agências para anunciar um novo portal de metas, metodologia de apuração e o quantitativo a ser comercializado de cada produto.

Paulo Henrique tem dito por onde passa sobre os seus planos para a expansão do BRB, o aumento de sua importância para o DF e região e a influência do banco no contexto econômico e de geração de empregos.

Na reunião, o banco apresentou suas expectativas sobre o crescimento da instituição e disse ser fundamental que se destaque no mercado financeiro local. Como parte dessa ação de crescimento, apresentou um novo portal de metas.

O Sindicato é um defensor do fortalecimento do BRB e tem atuado de forma intensa para que isso aconteça. Os diretores do Sindicato têm atuado junto à Câmara Legislativa do DF na defesa do BRB, participando de audiências, apresentando projetos e trabalhado ainda em diversos outros setores e instâncias, levando o entendimento dos trabalhadores sobre a importância do banco para Brasília e seu futuro.

A entidade tem percorrido as unidades tratando dos assuntos de interesse dos funcionários e buscado saber qual a percepção dos bancários a respeito das metas.

O dirigente sindical Ronaldo Lustosa diz que, nas conversas com os funcionários, as avaliações têm sido diversas no que diz respeito ao portal, seus reflexos no dia a dia de trabalho e à possiblidade de ocorrência de assédio moral para o alcance de metas cada vez mais altas, sem as devidas condições de trabalho e com uma prateleira sem tantos produtos.

Daniel de Oliveira, diretor do Sindicato e membro da Comissão de Combate ao Assédio Moral e Sexual no BRB, diz que o Sindicato estará atento e atuante para que não ocorra prática de assédio moral nas unidades e nem que ele seja institucionalizado como uma ferramenta de gestão da diretoria do banco.

PLR

Os diretores do Sindicato lembram que o acordo aditivo de PLR já foi negociado para o ano de 2019. Assim, qualquer alteração que porventura possa impactar negativamente o recebimento da PLR pelos funcionários não foi negociada.

Para juntar informações, denúncias e sugestões dos funcionários a respeito das metas e seus reflexos, o Sindicato está percorrendo as unidades do banco e solicita que os trabalhadores encaminhem e-mails para a Central de Atendimento (centraldeatendimento@bancariosdf.com.br) fazendo sua avaliação a respeito do tema. Os diretores do Sindicato estão à disposição para tratar do assunto.

Da Redação